Metal Com Bolacha Sábado, 02/07/2016, noite agradável em São Paulo, muita expectativa em torno do show que iria rolar, Kamelot. mesmo depois de alguns anos desde a saída do vocalista Roy Khan e de um show realizado aqui com o vocalista Tommy Karevik, alguns fãs ainda tem duvidas sobre a capacidade do Tommy, que ao meu ver não […]
" />
selecionada-img_8619

Sábado, 02/07/2016, noite agradável em São Paulo, muita expectativa em torno do show que iria rolar, Kamelot.

selecionada-img_8761

mesmo depois de alguns anos desde a saída do vocalista Roy Khan e de um show realizado aqui com o vocalista Tommy Karevik, alguns fãs ainda tem duvidas sobre a capacidade do Tommy, que ao meu ver não deixou nada a desejar substituindo o Roy, ambos possuem um carisma e uma presença de palco semelhante, a voz também se assemelha bastante, mas vai entender…

selecionada-img_8644

Sempre que vou a algum show, ando pela fila e gosto de sentir o animo da galera, os comentários e posso afirmar, o publico tinha uma expectativa enorme para esse show, para alguns até seria “o show de nossas vidas”.

selecionada-img_8655

Exageros a parte, tudo parecia estar ocorrendo conforme o planejado, casa cheia, publico animado, som limpo, iluminação boa, ou seja, tudo para ser um ótimo show.

selecionada-img_8674

Para essa turnê, assim como foi em sua ultima passagem por aqui, a participação de Alissa White-Gluz, deixou o publico muito animado, já que ela canta em uma banda bastante conhecida dos brasileiros, o  Arch Enemy, participando nas vozes guturais e femininas nas canções.

selecionada-img_8666

o show foi como planejado, ótima apresentação da banda, o guitarrista Thomas Youngblood tocou todas as musicas de uma forma que parecia que era playback, pelo menos eu não percebi nenhum erro, ou eu não percebi porque sou muito fã da banda?

selecionada-img_8694

o baixista Sean Tibbetts foi um caso a parte, sempre interagindo com o publico, andando de um lado para o outro, agitando, fazendo com que o show ficasse mais animado, diferente do Thomas, que é mais parado no palco.

selecionada-img_8785

Tommy Karevik, ótimo vocalista, esta se saindo muito melhor do que só o substituto do Roy, está colocando a identidade dele na banda, seu carisma é de invejar, sua presença de palco, suas interpretação também é de dar inveja, ele correu no palco, ajoelhou, brincou, fez de tudo um pouco e por isso a galera gritou por varias vezes seu nome.

selecionada-img_8783

Alissa White-Gluz, otima vocalista, mas eu, mais uma vez, me decepcionei com ela, esperando que ela fosse melhorar sua presença de palco, achei que ela interagiu pouco, sempre mantendo uma distancia da plateia, sempre distante, agitando muito no meio do palco, ela ja tinha me desapontado no outro show deles e nos que eu fui de sua antiga banda, a The Agonist…

selecionada-img_8615

o show foi excelente, conforme disse acima, tudo conspirou a favor da banda e ela soube aproveitar, na minha opinião um dos melhores shows do ano na minha opinião.

selecionada-img_8722

Setlist:

Veil of Elysium
When the Lights are Down
The Great Pandemonium
Center of the Universe (Alissa White-Gluz)
Karma
Torn
Here’s to the Fall
March of Mephisto (Alissa White-Gluz)
Rule the World
Insomnia
Drum Solo
Liar Liar (Wasteland Monarchy)( Alissa White-Gluz)
My Therapy
Keyboard Solo
Forever
Encore:
Revolution (Alissa White-Gluz)
Manus Dei/Sacrimony (Angel of Afterlife)( Alissa White-Gluz)

selecionada-img_8675

selecionada-img_8635

selecionada-img_8664

selecionada-img_8645